O ENIGMA DO PAPELZINHO – Parte 1


Esta é uma piada dividida em 4 partes.  Ao começar a lê-la, você vai ficar curioso(a) e ao mesmo tempo maravilhado(a), louco(a) pra saber o resto da piada e o que virá a seguir..   Dúvida? Então acompanhe:

O ENIGMA DO PAPELZINHO – Parte 1

Numa cidadezinha do interior, seu José e dona Maria levavam uma vida normal no que diz respeito á criação e educação do seu filho Joãozinho. Até que um dia, Joãozinho, ao ir para a escola, achou no chão um papelzinho dourado. Nele estava escrito umas coisinhas que o deixaram curioso. Ao chegar na escola, Joãozinho pediu para a professora ver o que estava escrito naquele papelzinho.

Quando a professora leu, ficou furiosa e horrorizada com o que acabara de ler. De imediato, levou o garoto á diretoria. Quando dona Lúcia, diretora do colégio, leu aquele papelzinho, ela ficou louca com o que viu ali. Sem pensar duas vezes, foi logo agredindo o garoto e tratando de expulsá-lo da escola.

Joãozinho, com apenas sete anos de idade, não entendia nada daquilo que estava acontecendo. Chorando muito, foi para sua casa. Chegando lá, sua mãe muito aflita, foi logo perguntando o que havia acontecido. – “Fui expulso por causa deste papelzinho.” – disse Joãozinho.

Ao ler o tal papel, sua mãe ficou furiosa e atônita com o que acabara de ler e logo tratou de agredir o menino e expulsá-lo de casa. Joãozinho saiu correndo, chorando e na estrada encontrou seu pai que vinha da roça. Este, muito aflito, foi logo perguntando: – “O que foi que aconteceu meu filhinho? – Então, Joãozinho, abraçando o seu pai,  contou-lhe tudo o ocorrido e mostrou o papelzinho. Quando seu pai leu o conteúdo, teve um treco e morreu ali mesmo. Joãozinho seguiu andando e chorando sem nada entender.

Lá na frente, ele encontrou a policia, que ao ver Joãozinho chorando, indagou: “- O que foi que aconteceu garoto? Por que está chorando?”. Joãozinho então, contou toda a história do começo ao fim. A polícia pediu para ler o tal papelzinho e ao lê-lo, ficou horrorizado com o conteúdo do mesmo, e o policial, sem pensar duas vezes, deu voz de prisão ao garoto. Ao chegar na delegacia, o delegado perguntou ao policial o que havia acontecido com o garoto. Joãozinho assustado, foi logo tomando a frente da explicação e foi contando tudo o que estava acontecendo e mostrou o tal papelzinho ao delegado. Quando o delegado leu o conteúdo do papelzinho, este ficou transtornado de tanta ira e aos berros, mandou que o levasse imediatamente para prisão.

No dia do julgamento, o advogado de defesa começou a defender o garoto veementemente. Muito emocionado, o advogado até mesmo chorou em seu discurso, emocionando a todos os jurados, inclusive ao juiz.

Joãozinho, por sua vez, ficara bastante alegre, ao ver que todos estavam tomados pela emoção e que a sua liberdade era questão de tempo. Tudo estava indo muito bem, até que os jurados pediram para ver o tal papelzinho.O papelzinho foi passado de jurado em jurado e cada um que lia, desmaiava, dado o horror do conteúdo do mesmo. O juiz ficou atônito com aquela cena, e pediu para ver o papelzinho. Ao tomar ciência do conteúdo, este ficou furioso e condenou Joãozinho a 70 anos de cadeia…. CONTINUA

Posted in piadas | Leave a comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.