Volto pra ele apesar de tudo ou não?

Pergunta: Olá Zel. É o seguinte, eu tinha um relacionamento desses do tipo “puxa-empurra” e por ironia do destino, eu acabei ficando grávida de uma pessoa pela qual eu não tinha muita confiança dos seus sentimentos, mas sei que gostava muuuito de mim. Eu não entendia porque ele dizia que me amava, pois após passar uns dez minutinhos, alguém chegava e me dizia que tinha visto ele com outra. Eu tinha certos privilégios que as outras não tinham, ele me considerava mais. Porém, minha vida acabou mudando totalmente, ele me deixou quando eu mais precisei dele(gestação e nascimento) e foi justo nessa época, que ele arranjou outra mulher e até chegou a se noivar com ela. Mas agora, após um tempo, ele está pedindo pra gente ficar de novo, e só fica no meu pé. Porém, eu vejo que ele ainda quer continuar na mesma cachorrada, e isso, eu não aceito nunca mais (apesar de gostar muito dele ainda, pois quando o vejo meu coração dispara). Quanto ao nosso filho, ele é totalmente responsável e demonstra afeto para com ele. Na verdade, eu queria muito unir a nossa família. E no momento, gostaria de algumas dicas para reconquistar o meu tão complicado amor. Atenciosamente, M.

Postada por: M.

Resposta: Olá M. Que história cheio de acontecimentos e emoções hem. Bom, pelo que você me contou sobre o rapaz, eu o vejo como um rapaz da categoria infiel. Quando ele está com você, ele realmente está todo ali e ali ele é um amor. Mas ao sair, o instinto infiel dele o controla e ele muda os seus comportamentos.  Vocẽ mesma já está ciente disso pelo que me contou. É muito difícil um homem quando é assim, mudar o seu comportamento. Há casos que esses homens mudam. Mas são raros. Então o conselho que eu te dou é:  ponha (numa balança imaginária), as qualidades dele de um lado, e do outro lado, coloque os possíveis defeitos que você acha que ele terá (isso, após você já ter falado as suas regras pra ele, pois você terá que falar suas regras).  Se a balança pesar mais para o lado das qualidades, veja se vale a pena ficar com um pouco dos defeitos dele. Agora, se nessa balança imaginária, ela pesar mais pro lado dos defeitos dele, eu aconselho você a esquecê-lo. Será duro, mas você fará a melhor coisa. Fará o melhor agora, para não ter que brigar com ele no futuro.

Você também pediu no final, algumas dicas pra poder reconquistá-lo. Mas valerá a pena essa reconquista? Se valer a pena (analise cuidadosamente) você não precisa de dicas minhas, pois é só você aceitá-lo e ele estará na sua.  Boa sorte!!!

Posted in desabafos, perguntas | Deixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>