Os três filhos de Artur – 41º capítulo – PENÚLTIMO CAPÍTULO


… Realmente, não era fácil a situação de André, pois ele teria que nadar TRÊS, vejam só, TRÊS MIL KM, para chegar no castelo da princesa.

Mas André, ao ver um urubu, teve uma brilhante idéia. Pegou a pena com a qual sempre andava junto, a esfregou e pediu para se transformar num urubu. E fora prontamente atendido. (Para entender isso, vamos voltar lá no  21º capítulo, num trecho que diz: “No dia seguinte, ao se despedir, ganhou uma pena do chefe dos urubus, retirada da sua asa e ele lhe disse: Esta pena é um amuleto, quando você precisar, esfregue-a e faça algum pedido, que você será atendido imediatamente”) Então, com o seu novo corpo, ele vôou por dez horas e chegou na gruta da princesa. Ao chegar na morada da princesa, ele pousou numa árvore que dava visão ao local em que a princesa se alimentava com a energia da luz das estrelas. Isso ocorria todos os dias, durante 15 minutos. Dali, ele observava toda a movimentação do lugar.

Durante alguns dias, ele pode admirar a beleza da princesa que o deixou totalmente apaixonado. André sabia que agora não poderia mais contar com a ajuda das formigas, nem do cavalo-velho, nem do próprio urubu. Mas André resolveu enfrentar o perigo sozinho e foi salvar a princesa.

Esperou dar meia-noite. Quando ela apareceu… CONTINUA

Posted in novela, Os três filhos de artur | Leave a comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.