Os três filhos de Artur – 39º capítulo – Momentos finais

… Quando um soldado perguntou ao comandante se podia matar André, ele lhe respondeu:

- Não,  este aí vai alimentar os jacarés, pois eles adoram uma carne bem fresquinha. Mas antes de jogá-lo aos jacarés, eu quero que ele assista de camarote comigo, o fantástico espetáculo estrelado pelos jacarés famintos. E assim, poderá imaginar exatamente como será a sua morte.

Então, logo depois subiram todos para o alto da muralha, para assistir o macabro espetáculo.

E quando todos  estavam sentados confortavelmente em suas poltronas, o comandante deu a ordem para começar o espetáculo. Foi nessa hora que trouxeram um grande animal enrolado com palha de bananeiras para a camuflagem e o jogaram no grande lago com acesso para o mar. E em poucos minutos o bicho foi devorado.

Nessa hora, o comandante olhou para André e disse:

- Não tenha pena do seu cavalo. Ele já estava morto mesmo. – E soltou uma grande gargalhada.

Então, André nesse momento, teve um grande surto de raiva, mas como estava amarrado, nada pode fazer, a não ser dar uma grande cuspida na cara do comandante, que imediatamente ordenou aos soldados a jogarem André no lago dos jacarés.

André, com os pés e as mãos amarradas foi jogado no lago.  CONTINUA

Posted in novela, Os três filhos de artur | Deixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>