Os três filhos de Artur – 35º capítulo

… Pedro e Paulo estavam indo para a forca, quando, de longe, André gritou: – Parem com a execução. Eles agora estão livres.

Então os dois irmãos foram salvos. André havia conseguido libertá-los no último momento.

Nos dias seguintes, as batalhas continuaram e todos os dias, André e o seu cavalo-velho ganhavam as batalhas. Pedro e Paulo, ficavam morrendo de inveja, ao ver o seu irmão André, sendo paparicado e ovacionado por todos, inclusive pelo rei.

Foi aí que os dois combinaram uma fuga e durante a noite, eles fugiram e foram até ao reino inimigo. Lá, eles se alistaram no exército e foram lutar contra o exército de Apolo.

Na primeira batalha, Pedro e Paulo fizeram um verdadeiro estrago. Logo nas primeiras horas de combate, eles mataram quase todos os soldados, e os poucos que sobreviveram, foram obrigados a correr.

Neste dia, André não tinha ido para a luta. Havia ficado em casa para tratar com o rei, a sua aventura de ir libertar a princesa do seu encanto.

Á noite, o sino soou, anunciando que o exército de Apolo, havia tido uma grande derrota. André então, ficou muito furioso, ao saber que os responsáveis por isso, eram ninguém mais ninguém menos, que os seus dois irmãos.

No outro dia bem cedo, André partiu com o seu exército para mais uma batalha… CONTINUA

Posted in novela, Os três filhos de artur | Deixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>