Os três filhos de Artur – 23º capítulo

… – Durante este tempo, só passaram por aqui dois rapazes parecidos com você, mas eles não podem ser seus parentes, porque eles são muito ruins.

- Infelizmente está enganado, velho cavalo. Eles são sim os meus irmãos e eu estou a procura deles. -Disse André – Cavalo velho, a conversa esta boa, mas preciso ir embora.

Então o cavalo velho lhe disse: – Pode dispensar o seu cavalo, porque daqui pra frente eu que irei levá-lo, porque preciso te proteger dos perigos que virão.

André deu uma risada e disse: – Ora, cavalo velho, mas você não está podendo nem com você.

Engana-se – disse o cavalo – Monte logo e vamos embora.

André então soltou o seu lindo cavalo e  aceitou ir no cavalo-velho. Depois de um mês, André chegou na última cidade por onde Pedro e Paulo passaram e se deram mal.

Quando André chegou no hotel, o gerente foi logo dizendo: – Aqui o senhor não se hospeda mais, porque ficou devendo pra nós da outra vez que passou por aqui.

André então tentou explicar que o seu nome era André e que se os seus irmãos ficaram devendo, ele pagaria. Daí pra frente, o gerente passou a tratar bem a André e arrumou o melhor quarto e o melhor estábulo para o seu cavalo.

No outro dia bem cedo, André pagou a sua conta e a dos irmãos e partiu no seu cavalo-velho… CONTINUA

Posted in novela, Os três filhos de artur | Deixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>