Os três filhos de Artur – 12º capítulo


… Quando Paulo voltou, viu que o seu churrasco estava cheio de formigas. Paulo ficou furioso, chutou o churrasco com formigas e tudo, pegou seu cavalo e ficou pisoteando as formigas.

Então, continuou a sua viagem, e, dias depois, chegou ao vale dos urubus. O urubu-rei estava na porteira do vale e, após ver Paulo, lhe disse: – Bom dia, senhor. Seja bem-vindo na nossa comunidade. Eu como chefe desta comunidade, lhe peço encarecidamente uma ajuda. O meu povo está passando muita fome e o senhor parece ser um homem rico.

– Sou rico, sim. – Disse paulo. – Mas, não ajudo urubus. O meu prazer é um dia, ver todos os urubus mortos.

Após dizer estas palavras, Paulo saiu em disparada. Um mês depois, ao passar em frente a uma casa abandonada, ouviu um grito de socorro, desceu de seu cavalo e foi olhar o que era. Paulo logo viu que era um cavalo velho que havia sido esquecido ali. Este cavalo estava amarrado no quintal de uma casa muito velha. Quando o cavalo viu Paulo se aproximar… CONTINUA

Posted in novela, Os três filhos de artur | Leave a comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.