Conto do vigário – Não caia nele


Num certo dia, chegou em meu bar um senhor aparentando ter uns 40 anos. Ele estava acompanhado de uma criança de mais ou menos 8 anos. Os dois gastaram R$ 20,00.

O homem então se dirigiu até o caixa e me falou: Opa amigo, eu vou aqui ao lado cortar o cabelo, pode dar para o meu filho o que ele quiser que logo eu volto e pago tudo. O garoto, após um tempo, acabou de lanchar e disse:

– Falow ae amigo, brigado.

Eu então falei:

-Que é isso? Espere seu pai voltar!

Ele então retrucou:

-Não, eu nem conheço aquele homem… Eu estava ali na praça quando ele me convidou para lanchar.

E até hoje este senhor vigarista nunca mais voltou para pagar a despesa.

Moral da história: Cuidado com o conto do vigário!!!

Posted in causos, veridico | 1 comentário

One Response to Conto do vigário – Não caia nele

  1. Bar do Zel » Conto do vigário – Não caia nele…

    Sempre vai ter alguém querendo passar a perna na gente… conhecer as estratégias dessas pessoas é essêncial para não cair numa roubada…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.